Polícias vão aderir a manifestação contra medidas de austeridade e planeiam convocar greves

Polícias vão aderir a manifestação contra medidas de austeridade e planeiam convocar greves

Lisboa, 25 set (Lusa) - A polícia vai aderir à manifestação convocada pela CGTP para dia 29 em protesto contra as medidas de austeridade, disse hoje à Lusa o coordenador e porta-voz da comissão de sindicatos das Forças de Segurança.

Segundo Paulo Rodrigues, a decisão foi tomada na segunda-feira à noite, depois de uma reunião entre os representantes das várias forças de segurança para analisar as políticas de austeridade para 2013 avançadas pelo Governo.

Na reunião estiveram representados a Polícia de Segurança Pública (PSP), a Guarda Nacional Republicana (GNR), a Polícia Marítima, os Guardas Prisionais, a Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE) e o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

"Há um duplo sacrifício que está a ser pedido aos profissionais das várias polícias, não só porque se aplica esta redução de vencimento, mas por problemas internos, como a não alteração dos estatutos profissionais ou a não aplicação de estatutos a todos os profissionais, como acontece na PSP e na GNR", explicou o responsável da Associação Sindical dos Profissionais da Polícia na PSP.