Linha SOS-Voz Amiga recebe cada vez mais pedidos de ajuda por causa da crise

Linha SOS-Voz Amiga recebe cada vez mais pedidos de ajuda por causa da crise

Lisboa, 08 set (Lusa) - A Linha telefónica de emergência SOS-Voz Amiga necessita urgentemente de voluntários para alargar as horas de funcionamento, tendo em conta o aumento do número de chamadas devido a problemas relacionados com a crise.

Quando se assinala o Dia Mundial da Prevenção do Suicídio, que se comemora na segunda-feira, os coordenadores do centro SOS - Voz Amiga lançam um apelo à sociedade civil, pedindo voluntários para aumentar a capacidade de um serviço que em 2011 atendeu cerca de 5.300 chamadas e este ano, até agosto, mais de duas mil.

Uma das voluntárias da linha disse à agência Lusa que "há toda uma urgência" em angariar mais voluntários.

Atualmente com 20 voluntários, este serviço, que ajuda a prevenir o suicídio, funciona diariamente entre as 16:00 e as 24:00, mas o "grande objetivo" é que passe a funcionar 24 horas por dia.